NFe Youtube - Coopercitrus Mapa do Site

Notícias

Soja: Chuvas das próximas semanas devem vir em pancadas e não prejudicam a colheita, diz Somar

Agropecuária | Publicada em 17/02/2016

As lavouras de soja continuam sendo beneficiadas pelo clima nesse ano. Apesar de uma primavera com chuvas muito irregulares e até mesmo longos períodos de veranico, o verão está sendo bem diferente. Com chuvas mais regulares e sem longos períodos de invernada, as lavouras estão sendo bastante beneficiadas por essa intercalação de pancadas de chuvas e boas taxas de radiação. Com isso, os níveis de umidade do solo, em todas as regiões produtoras do Brasil, estão bons, dando pleno suporte a demanda hídrica das plantas. Até mesmo em Tocantins, onde a estiagem das últimas semanas preocupava os produtores, houve registros de chuvas nesse último final de semana, o que elevou a recuperação da cultura. O mesmo está ocorrendo no MATOPIBA esse ano. Contudo, nessa região é fato que uma ou outra microrregião está com um déficit hídrico mais acentuado, gerando perdas mais significativas à produtividade das lavouras, mas na média da região, as condições estão muito boas. O mesmo ocorre no Centro-Oeste, no Sudeste e Sul do Brasil. As chuvas apenas na forma de pancadas estão possibilitando tanto a realização dos tratos culturais quanto a colheita. E quanto mais avança a colheita, mais se observa que os índices de produtividade estão se elevando. Já há muitos relatos de índices de produtividade acima dos 70 sacos/ha. Lógico, que quebras ocorreram nessas regiões devido a irregularidade do regime de chuvas durante o segundo semestre de 2015, até porque as colheitas realizadas ao longo do mês de janeiro e nos primeiros dias de fevereiro refletem isso. Foram registrados valores entre 10 a 25 sacos/ha. No Mato Grosso a colheita chega aos 25%, sendo que esse valor é um pouco superior ao observado no mesmo período do ano passado. Já no Paraná, o percentual é de 32%; Mato Grosso do Sul, 27% e Goiás, 18%. Em São Paulo e Minas Gerais, os percentuais de área colhida não chegam aos 2%. No MAPITOBA, a colheita não começou e a tendência é que só se inicie na semana que vem. O mesmo deverá ocorrer no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina.

Previsão

As previsões para as próximas duas semanas são de mais chuvas, só que sempre na forma de pancadas, dessa forma, as condições se manterão favoráveis ao desenvolvimento das lavouras e, sobretudo, a realização da colheita. Os modelos não sinalizam nenhum período longo de invernada e nem tão pouco de veranico.

Fonte: Somar Meteorologia

Voltar

Institucional

Lojas de Conveniência

Postos de Combustíveis

Shopping Rural

Insumos/grãos

Máquinas Agrícolas

Tecnologia Agrícola

Revista Agropecuária

Trabalhe Conosco

Códigos e Estatuto

Filiais

Feiras

Coopercitrus Expo

Agrishow

Balcão do Agronegócio

Classificados

Usados

Imóveis

A Venda

Em Licitação

Revista

Notícias

Sustentabilidade

Ação Social Cooperada

Campo Limpo

Central de Embalagens Vazias de Agrotóxico

Certificação de Café e o 4 C

Natal da solidariedade

TrendIT's Desenvolvimento de Websites
Coopercitrus Cooperativa de Produtores Rurais - Telefone: (17) 3344-3000
Praça Barão do Rio Branco, nº 9, Centro - CEP: 14.700-129- Bebedouro, SP

Coopercitrus 2020 - Todos os direitos reservados